Xô estresse! Especialista traz 4 exercícios para meditar no trabalho

O ambiente profissional pode levar a altos níveis de ansiedade e cansaço extremo. Entenda como a meditação pode ajudar                     

como-começar-a-meditar
Foto : Alexandr Podvalny / Pexels




Em "O Fio da Navalha", filme de 1984, Larry Darrell, personagem interpretado por Bill Murray, volta da I Guerra Mundial modificado. Decidido a buscar a paz interior, abre mão da vida burguesa em Chicago e do seu noivado, saindo pelo mundo em busca do sentido da vida.

Em uma de suas falas, Larry diz: "é muito fácil ser um homem iluminado no alto de uma montanha." Mas, como conseguir manter a serenidade em um ambiente caótico, com metas, prazos apertados e tarefas diversas a cumprir?

E mesmo para quem permanece em sistema home office não é tão fácil encaixar pausas de meditação em um lar ocupado, com parceiros, crianças e afazeres intermináveis.

Pensando em que tem uma rotina bastante corrida, Juliana Viveiros, consultora espiritual e colunista do portal iQquilibrio, explica os benefícios da meditação para o ambiente laboral, separando quatro exercícios que não precisam de um grande comprometimento.

De acordo com a consultora, 10 a 15 minutos por dia já são suficientes e mesmo dois minutos podem ser úteis. Para ela, o importante é se comprometer com a prática sem tornar o hábito um fardo, aproveitando ao máximo os resultados que não demoram a serem percebidos.

A meditação é uma técnica que faz com que a pessoa relaxe o corpo e em seguida a mente, fazendo com que surja um estado de concentração de descanso intenso dos pensamentos. A atividade traz múltiplos benefícios para quem se dedica à prática e acaba influenciando de forma positiva outras diversas áreas da vida, inclusive no trabalho”, afirma Viveiros.





Veja também:





Como meditar no trabalho?

Você deve estar se perguntando, mas como meditar durante o expediente? Juliana Viveiros orienta que a primeira coisa que devemos fazer quando queremos iniciar a prática da meditação no trabalho é encontrar um lugar em que essa atividade possa ser desempenhada.

O banheiro não é o local mais ideal, mas na falta de outro, serve aos propósitos para essa atividade. “Caso você tenha uma chefia com a mente aberta não deixe de conversar com eles sobre esse tema”, aconselha. 

Veja se existe uma sala, mesmo que pequena, onde você possa praticar para aliviar as tensões. Explique os benefícios da meditação para trabalhar demonstrando como o desempenho das funções pode ficar ainda melhor por conta disso.


Benefícios da meditação no trabalho


  • Redução do Estresse: Sabemos que as múltiplas atividades desempenhadas no trabalho fazem com que o estresse seja parte dele. A meditação no trabalho ajuda a reduzir o estresse por aumentar a circulação sanguínea por meio da respiração e da quietude mental.
  • Aumento do foco e da concentração: O aumento do foco e da concentração formam parte dos ganhos dessa atividade. A meditação ajuda a concentrar os pensamentos em pontos focais fazendo com que os demais pensamentos fiquem em segundo plano.
  • Melhora da memória: a meditação para trabalhar ajuda nos exercícios de memória fazendo com que a mente libere espaço para guardar somente o que é necessário.
  • Aumento da criatividade: as mentes que não ocupam espaço com aquilo que é supérfluo têm maior poder de criação em diversos aspectos. A meditação ajuda nos processos de inventividade necessários no trabalho.

04 exercícios para começar a meditar

Exercício 1 — Respiração 4 por 4:

Respire contando até 4, segure contando até 4, solte contando até 4 e segure contando até 4. Esse exercício de respiração tem o poder de acalmar a mente, o corpo e o espírito por fazer com que os fluidos no corpo se equilibrem e se acalmem. Não se esqueça que, ao respirar, você manda uma mensagem ao seu corpo dizendo que está tudo bem.

Exercício 2 —  Hiperventilação:

Sabe aquele exercício que vemos nos filmes com pessoas respirando em sacos de papel? Faça! O exercício da hiperventilação é, por si só, uma ferramenta que auxilia na meditação no trabalho, isso porque ao respirarmos dentro de um saquinho, consumimos muito gás carbônico, o que faz com que não precisemos mais hiperventilar e fiquemos bem.

Exercício 3 — visualizações:

Para começar a meditar você pode fazer alguns exercícios de visualização. Esses exercícios consistem em fechar os olhos e repassar todos os detalhes do seu escritório ou ambiente de trabalho com os olhos da mente. Não pense no trabalho em si, mas sim no lugar em que você está. Isso fará com que você aprenda a focar naquilo que é de fato importante.

Exercício 4 — visualização criativa:

Assim que estiver craque na visualização, comece a prática da visualização criativa. Ela consiste em você visualizar aquilo que você quer que aconteça na sua vida no trabalho como promoções, aumento de salário, bonificações, elogios e reconhecimento. Então, imagine todas as cenas com riquezas de detalhes e pronto.
 
“A melhor meditação e a mais eficiente é aquela que realmente nos relaxa e apazigua. O ato de meditar proporciona bem estar interno, que nos permite mergulharmos em nós mesmos e entrar em contato com nosso melhor”, conclui  Juliana Viveiros.



Para saber mais sobre o trabalho de Juliana Vivieros, acesse o portal iQuilibrio

*Com informações da Assessoria de Imprensa Publikaí

Form for Contact Page (Do not remove)